Mário Fernandez

Cruz – Inversão

“Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;” (1 Coríntios 1:27)

A cruz é a coisa mais invertida e geradora de confusão que consigo imaginar no Reino de Deus. Pense comigo:

  • O justo morre pelos injustos;
  • O sem pecado carrega o pecado de todos;
  • O único que podia dizer não, morre voluntariamente;
  • O herdeiro abre mão de tudo para morrer.

Lembremo-nos que morto não tem direito a nada, não decide nada, não faz nada. Jesus foi ressuscitado por Deus porque de fato morreu e morto estava. Não consigo imaginar nada mais fraco do que isso, e ainda assim Ele é trazido de volta pelo Pai, Seu Nome é colocado acima de todo nome, nomeado Rei dos reis e Senhor dos senhores pela eternidade. Eita coisa que confunde a sabedoria.

Nada disso tem lógica alguma, o certo na nossa sabedoria terrena é cada um pagar pelos seus erros, cada um arcar com as consequências de seus atos, cada um herdar o que tem direito, cada um por si e SE, com muita “sorte”, Deus por todos.

Nada pode ser mais louco do que crucificar Jesus, não me admira neste sentido os sábios deste mundo não compreenderem. Numa cultura onde o bonito vale mais do que o feio, o grande vale mais do que o pequeno, o novo vale mais do que o velho, o importado vale mais do que o local, o diferente é mais atrativo que o monótono, a morte sacrificial do Filho de Deus não tem qualquer sentido, qualquer racionalidade.

Se eu disser que sou um homem simples e de pouco estudo mas que ouço a voz de Deus receberei talvez uns 3 convites para pregar em igrejas pequenas. Se eu disser que tenho duas faculdades e um mestrado, falo 4 idiomas, morei fora do Brasil e leio a Bíblia inteira todos os anos em um idioma diferente… Sei lá, pelo menos uns 30 convites aparecem em igrejas bem mais “famosas”. Quem sou eu afinal? Não importa, só importa quem é ELE. Não é pela lógica, é pela loucura do Reino. Cruz é isso, é não fazer sentido, é crucificar os títulos, entregar as coroas aos pés do trono, é abrir mão para receber (mão fechada não recebe!).

A linguagem da simplicidade e da renúncia não tem sentido para a sabedoria deste mundo. Nada pode ser mais fraco do que um andarilho filho de carpinteiro, solteiro, de pouca formosura, criado em Nazaré, literalmente o filho da Dona Maria. Sem casa própria, sem um jumento seu (talvez o carro de grife da época), sem roupas chiques, sem influência política, condenado a morte por acusação de insurgencia contra o governo vigente. Não tem o menor sentido, é completamente loucura, é inversão total.

Por isso tenho dito e pregado que no Reino de Deus o grande é pequeno, o pequeno pode muito, as coisas caem para cima, o fundo cai e a tampa não voa. Sejamos loucos e incoerentes para este mundo, desde que dentro do que a Bíblia nos ensina e nos dá fundamento. Se quisermos ser simplesmente insanos que sejamos, mas naquilo que o Pai nos ensinou. Desde que seja bíblico, não precisa fazer sentido para este mundo. Jesus foi prometido, profetizado, anunciado e ainda assim teve muito pouco crédito. Enquanto curava eram milhares para comer pão e peixe, na hora de sua morte contavam-se nos dedos seus seguidores.

Hoje temos a oportunidade ímpar de ler e entender a Palavra de Deus como completa revelação do Nazareno que foi para aquela cruz no meu lugar. Aproveitemos. Não precisa fazer sentido, precisa ser de Deus. Não preciso entender preciso crer. E, ironicamente, fará sentido à luz das Escrituras, mesmo sendo insanidade e incoerência para este mundo.

Nosso desafio é viver para morrer e morrer em favor da vida, assim como fez o Mestre Jesus, nosso irmão mais velho.

“Senhor, obrigado por me ensinar a não depender do entendimento para Te servir. Pouco importa ser aceito pelos homens se eu for aceito por Ti. Me ensina a obedecer a Tua Palavra.”

“Senhor, obrigado por me ensinar a não depender do entendimento para Te servir. Pouco importa ser aceito pelos homens se eu for aceito por Ti. Me ensina a obedecer a Tua Palavra.”

Mário Fernandez

9 thoughts on “Cruz – Inversão

  1. airton disse:

    Pastor Mário:

    Incrível como Deus age. Usa os fracos para confundir os fortes. Ou, as loucuras deste mundo para confundir as sábias. Se Deus seguisse a lógica do mundo, não haveria nenhuma surpresa. Era fácil explicar pelo raciocínio humano o êxito do empreendimento. Certamente Deus não seria glorificado, adorado, cultuado. Sem Deus, as pessoas não vai muito longe. Com Deus, ainda que sem os pares humanos, pode ir tão longe que é incalculável aonde chegar.

  2. Eliene Souza Reis disse:

    Excelente! Perfeita definição do significado da cruz. Glória a Deus por nos revelar sua infinita graça por meio de seu Filho.

  3. Eli Conceição Soares disse:

    Olá Pr. Mário Fernandez, boa tarde! Linda esta definição do que seja a cruz para nós que que aceitamos sem questionar este sacrifício do Senhor Jesus que, sem cometer nenhum crime, sem pecado algum, ainda assim, por conta dos nossos pecados tenha sido julgado e condenado à morte de cruz em nosso lugar. Por mais incompreensível que possa parecer para o mundo, para nós ELE deixou claro que não precisamos, se quer nos preocupar em tentar entender esta Sua postura, e sim, tão somente crer que tudo foi feito para nos resgatar da condenação à que estávamos submetidos, e que agora, livres para sempre dessa maldição, podemos nos entregar ao amor gratuito oferecido por Jesus. Então, basta crermos que tudo isso aconteceu para que reconhecêssemos ser ELE Jesus o único e suficiente salvador de nossas vidas. Obrigado pela mensagem meu irmão em Cristo Jesus. Deste seu amigo e irmão na fé Eli C Soares

  4. Joel de Sousa David disse:

    Gostei da explanação da palavra, ela mostra a realidade da cruz.

  5. Adriana disse:

    Deus confirmando tudo o que tem falado comigo ontem e hoje! Que Ele continue abençoando vcs!

  6. Dagoberto Braga Junior disse:

    Caro Pastor Mário, li e reli seu comentário, com o qual concordo. a Biblia nos diz, conhecereis a verdade e ela vos libertará, mas qual é a verdade. Temos visto, mesmo acompanhado, inúmeros ensinamentos sobre a verdade, verdade do dando que se recebe, verdade de conceitos antibiblicos e aí vai. Mas a única verdade é a palavra de DEUS, simples e direta. Agradeço aos céus por ser louco o suficiente para crer e seguir essa verdade a qual a cada dia, acrescenta a minha fé.
    Fica na Paz

  7. João A. Mendes disse:

    Que benção!!! São uns artigos maravilhosos estes da autoria do Pr. Mário Fernandes…

  8. Andrei Pires disse:

    Parabéns por está Palavra. Que possamos ser pequenos para o mundo, mas grandes no trabalho de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *