Mário Fernandez

Cruz – Problema Seu

“Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens” (Filipenses 2:6,7)

Já ouvi diversas vezes a frase “Deus tem mais o que fazer do que resolver os meus problemas”. Hoje quero meditar no seguinte: isso está correto!

Antes de apedrejar como herege, permita-me expor meu ponto. O texto acima nos fala que Jesus abriu mão de tudo que tinha na Glória Eterna para ser homem como nós. Escolhi este texto pois, além de meu favorito da Bíblia toda, ele demonstra um ato da parte de Deus em nosso favor para “resolver problemas”.

Em Mateus 5 ele prometeu sustento e provisão. Em Mateus 11 ele disse para lançar sobre Ele o cansaço. Isaías 53/Mateus 8 diz que Ele tomou sobre si toda sorte de enfermidade. 1 Pedro nos ensina a lançar sobre Ele a ansiedade. 1 João fala que Ele se manifestou para destruir as obras do diabo. Tito 2 diz que a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens.

Pergunto-lhe: se tirar tudo isso de sua vida ainda sobra problema? Então, a resposta para o nosso enigma não é nada difícil: entregue seus problemas a Ele, confie na boa mão Dele e esqueça. Os problemas passam a ser Dele, daí ele resolve. Enquanto estiver preso na sua mão não é problema Dele, não há motivo para ele resolver. Não consigo encontrar nenhum versículo bíblico que diga “segura aí que eu resolvo”. Tem dezenas de “entregai” ou “lançai” ou “confiai” ou “trazei-me”. É simples como o evangelho: abre mão de cuidar de si mesmo e deixa Deus cuidar.

Deus tem mais o que fazer do que resolver os teus e os meus problemas: Ele tem trilhões de problemas sendo resolvidos por gente como eu e você que a Ele entregaram confiadamente seus próprios sofrimentos, dores, doenças, mazelas, enfim todos os fardos que pesavam.

Muito mais do que uma mera meditação, eu diria que isso é um convite ao aprendizado. Aprender a entregar a Ele, a confiar Nele, a depender Dele. Deus poderia fazer diferente, mas Ele optou por nos tratar assim. Se por um lado somos responsáveis pelas nossas decisões, por outro lado podemos receber alívio ao decidir por Ele.

Termino essa meditação com o texto de João 14 – Não se preocupem, eu já dei um jeito, na casa de meu Pai tem espaço para todos vocês (paráfrase minha). E isso, para variar, foi feito na Cruz.

“Senhor, obrigado por me fazer perceber o quanto o Senhor tem interesse em tomar para Si meus problemas e aflições. Aquela cruz foi um marco de esforço do Senhor para isso.”

Mário Fernandez

6 thoughts on “Cruz – Problema Seu

  1. Airton disse:

    Pastor Mário:

    Se Deus cuida da pessoa, a partir do momento que a pessoa se entrega a ele, então Deus é responsável por ela. Nesse caso, a pessoa é, sadia e cristamente, irresponsável. Que Ele habilite seu povo a alcançar tamanho grau de maturidade.

  2. disse:

    Deus tem muito mais problemas que os meus e os seus. Porém, para cada um deles Ele tem a solução. Não há problemas insolúvel para o nosso Deus, nem mesmo os nossos. É com maestria que essa mensagem deixa claro o propósito de Deus para com os humanos. Não foi por acaso que Jesus deixou sua mensagem dizendo: “Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar”. João 14:2.
    Então, qual a importância do seu, e o meu problema. se Deus tem todos os problemas do homem em sua conta. Claro, o seu e o meu problema, por si só já está em Sua conta, e é por isso mesmo que, aos que confiam no Senhor tem muito mais soluções do que problemas, e estes jamais o afligirão…

  3. João A. Mendes disse:

    Muito bom este pequeno artigozinho. Deus abençoe o autor e cada leitor…

  4. Eliene Souza Reis disse:

    Engraçado que quando comecei a ler o texto, o versículo que me veio à mente foi justamente, “Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também”. João 14:1-3. Amém!

  5. Roberto Raimondo Junior disse:

    Leio Ichtus mais ou menos regularmente, mas essa mensagem realmente foi impactante. A única coisa que Deus cobra de nós é Bom Ânimo e Coragem e que não enterremos nosso talentos. Orem por mim. Oremos uns pelos outros.

  6. José Lucena dos Santos disse:

    PARABÉNS, Pr. Mário, Deus te abençoe ainda mais para que possa continuar nos abençoando. Palavra magnifica, poderosa, muito obrigado por mais uma bênção dentro desses estudos sobre a cruz, confesso que nunca aprendi tanto. A Ele toda glória e honra para sempre, oro pois, por você, sua família e seu ministério. Continue sendo essa bênção.
    Pr. Lucena. (Caruaru-PE).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *