Mário Fernandez

Impossível – Vivendo o Evangelho

“O anjo respondeu: “O Espírito Santo virá sobre você, e o poder do Altíssimo a cobrirá com a sua sombra. Assim, aquele que há de nascer será chamado santo, Filho de Deus.” (Lucas 1:35)

Ouvi alguns há alguns domingos uma palavra muito edificante sobre este episódio do anjo dialogando com Maria. Mas, como sempre, Deus tem mais para quem está sedento e me fez perceber algo que para mim é novo, é alimento puro. Por trás da resposta daquele anjo existe uma lição poderosa que precisamos aprender. A pergunta de Maria foi “como é possível” a resposta do anjo foi “não é possível, é sobrenatural”.

Toda vez que esbarramos em algo que não temos capacidade de resolver nossa atitude é sempre indagativa tipo “como isso é possível?“. Olhamos para os fatores, olhamos para a circunstâncias, nos atemos aos fatos, somos objetivos, somos realistas, somos razoáveis, somos racionais e por mais espirituais que tentemos ser, por mais que nos esforcemos, o clamor da natureza é simples e direto dizendo “não dá, é impossível”. Mas anjo nenhum vai concordar com isso, porque no Reino de Deus a resposta é sempre “aqui não tem impossível, tudo aqui é sobrenatural”. Entenda SOBRE – Natural.

No mundo do sobrenatural, o natural fica por baixo, fica inferior, fica menor – isso explica porque sem fé é impossível agradar a Deus. Ele é sobrenatural, sem fé não se vê o invisível, portanto não é possível ter intimidade com Ele sem fé, não é possível viver como cidadão do Reino de Deus sem fé – simplesmente porque nada Nele é natural.

Ao perguntar “como” a resposta de Deus sempre será “sobrenatural”. Isso contorna o impossível, porque para Ele nada é impossível, claro, pois tudo é sobrenatural. Viver um evangelho sólido (não aguado), legítimo (não mundano), pleno (não cheio de falhas), profundo (não meramente intelectual) – significa necessariamente pisar em solo sobrenatural e conviver com o impossível. Se fosse um conjunto de regras, bastaria a gente fazer uma lista e seguir com ela. Mas não é, pois trata-se de um estilo de vida. Fé se desenvolve, cresce, se alimenta, precisa de exercício como um músculo. Sem ela, não se anda nessas terras.

Precisamos aprender isso urgentemente. Somos muito apegados ao impossível e limitados pelo nosso “como”. Precisamos aprender a ouvir a voz de Deus, seja por qual anjo Ele enviar. Essa voz nunca vai dizer “esqueça” pois ela sempre dirá algo como “sobrenatural, meu filho”. Talvez, por isso tantos de nós ficam para trás na caminhada, não entendem, não crescem, não frutificam, não fazem mais do que respirar e se acham vivos. No meu conceito, menos do que isso nem chega para ser mediocridade, é pior. Te convido a andar com fé neste caminho, com esforço é claro, para entender quando a resposta vier. Maria entendeu, veja no que deu.

“Senhor, não permita que eu desanime diante do impossível nem me ensurdeça diante da Tua resposta aos meus anseios. Me ensina a andar e viver com um pé no Teu sobrenatural, porque eu sei que isso é o Teu Reino.“

One thought on “Impossível – Vivendo o Evangelho

  1. Eliene Souza Reis disse:

    Boa mensagem. Faz a gente refletir nos impossíveis que Deus realiza em nossas vidas em nome de Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *