Mário Fernandez

Casamento

“Assim deu Jesus início aos seus sinais em Caná da Galileia, e manifestou a sua glória; e os seus discípulos creram nele.” (João 2:11)

Curiosamente Jesus fez seu primeiro sinal (milagre) em um casamento. Mesmo não querendo forçar a barra a respeito, temos de admitir que oportunidades haviam para que fosse em outras situações, por exemplo no templo ou em qualquer outra festividade mais “espiritual”.

Mas é justamente nisso que creio estar a chave do entendimento do fato: o casamento é sim um ato espiritual, ainda que alguns discordem. A união de um homem e uma mulher foi idealizada por Deus no jardim do Éden e abençoado como forma de propagação da espécie humana pelo planeta. Foi criado pelo Senhor para que homem e mulher se complementassem como pessoas, mesmo sem ter filhos. Foi a forma que Deus decidiu que os seres humanos se relacionariam na mais profunda intimidade, e não me refiro apenas ao relacionamento físico. Deus criou o casamento, quer gostemos dele ou não.

Jesus frequentava casamentos, isso fica patente. Seus pais frequentavam casamentos. Milagres aconteceram em casamentos nos dias do Senhor Jesus encarnado. O que podemos concluir sobriamente é que o casamento não é algo do Antigo Testamento, não é algo que Deus deixou de lado, não é algo para ser negligenciado ou esquecido. Mais do que nunca em nossos dias é lugar de milagre, como foi naqueles dias de João 2. O milagre pode ser na festa ou depois dela, mas nossos casamentos carecem de milagres.

Mas o que me parecer ser o ponto chave é que poucos se importam ou se apercebem de que o milagre vem com a presença de Jesus. Sem ele no casamento, seja na festa ou depois dela, os milagres serão apenas histórias.

Quem sabe não seja este o momento de você, de fato e não só de palavras, colocar Jesus no seu casamento? Talvez você seja solteiro e nunca tenha pensado nisso, então inclua no plano. Talvez você tenha passado da idade de pensar nisso, mas ainda é tempo pelo menos de ajudar os mais jovens. Sempre é tempo de milagre, desde que Jesus esteja convidado e presente.

“Senhor, eu não compreendo algumas coisas sobre o casamento, mas com toda certeza eu preciso de Jesus no meu relacionamento conjugal. Eu quero que Ele seja o convidado de honra diariamente. Ajuda-me a colocar isso em prática.”

Mário Fernandez

16 thoughts on “Casamento

  1. Jonas H. Pires Jr. disse:

    Verdade absoluta prezado irmão Airton.
    Eclesiastes 4:
    9 Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho.
    12 E, se alguém prevalecer contra um, os dois lhe resistirão; e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa.

  2. Airton disse:

    Mário: o casamento a três é a garantia de que a casa está sobre a rocha, a qual permite resistir às tempestades da vida.

  3. Christina disse:

    Muuito boa essa reflexão, falou profundamente ao meu coração, ainda mais por que estou passando por uma fase meio difícil no meu casamento, e louvo ao nome do Senhor por poder desfrutar do amor dele que nos une dia opôs dia.

  4. Gisele disse:

    Eu errei no meu primeiro casamento, não deixei Jesus entrar, agora que estou na igreja, tenho outra base, e o meu novo relacionamento, está sendo findado na palavra do Senhor………
    Essa mensagem foi abençoadaaaaaaaaaaa
    Fique com Deus…….

  5. Jonas H. Pires Jr. disse:

    Certamente vivemos tempos em que o casamento está sendo colocado num plano secundário e porque não dizer, até combatido por grupos radicais que são prejudicados pela sua presença.
    Urge tomarmos decisões que venham fortalecer esta instituição divina que, como os demais “projetos” do Criador se não for racional e espiritualmente cuidados, tratados e curados perecerá pela exploração predatória; à igreja, a local, pertence esta árdua tarefa, sem questionamentos ou … mas … Utilizar todos os recursos naturais e espirituais que estejam à sua disposição na atualidade é MANDATÓRIO.
    Se fizermos uma exegese mais detalhada, vamos encontrar a instituição do casamento (Gênesis capítulo 1) bem antes da formação do jardim do Éden; parece que o Criador fez um projeto muito bem pensado, bem antes de “por a mão na massa”.
    Que Deus continue abençoando o articulista.

  6. Adalberto disse:

    Bem, sobre a questão da “necessidade” do casamento, de ele ser de Deus e outras coisas nesse sentido (…), tenho cá certas ressalvas – e, resumo a tudo na seguinte definição COMUM: todas as coisas pertencem a Deus! Só digo que nosso coração nos leva a determinados designos que são verdadeiros abacaxis!!!

  7. adilson disse:

    Graça e Paz em Cristo Jesus Pastor Mário. Outro fato a ser destacado nesta passagem da palavra de Deus. O diferencial naquela cerimonia de casamento foi a presença de Jesus. A presença de Jesus é fundamental para o inicio de qualquer relação, seja namoro, casamento, criação dos filhos, amizade, sociedade e etc…O que ocorre hoje , principalmente com os casamentos, é que se transformaram em meras cerimonias religiosas e exibição de ostentação, inclusive no meio evangélico. Todos querem uma bela cerimonia religiosa de casamento, no que não sou contra, mas Jesus precisa ser o convidado de honra.

  8. adilson disse:

    Graça Paz em Cristo Jesus Pastor Mário. O que para muitos parece simples, não é tão simples assim. Água é mineral e vinho um produto orgânico. Tirar água do vinho é possível, pois como o vinho é derivado da uva ele contém água, mas transformar água em vinho é impossível. Portanto, temos nesta passagem da Palavra de Deus um milagre de fato. Um milagre que somente Jesus poderia fazer. Cientificamente, não há nenhuma possibilidade de se transformar água em vinho.

  9. César Souza disse:

    É puramente verdadeiro isso tudo que foi postado. Parabéns pelo post…

  10. Obrigado pastor, este texto veio em boa hora.
    Casei novamente a cerca de cinco meses e eu cheio de manias estava dificil acertar o relacionamento com a nova esposa. Somos crentes em Jesus Cristo nada mais justo lembrar sempre de convidada-lo para fazer parte desta nova vida, para que tudo se ajuste nesta uniao que com Ele sera duradoura e prazeirosa.

  11. Eliene Reis disse:

    Ter Jesus participando diariamente do nosso casamento é uma festa pois o perdão vem mais fácil, a compreensão e aceitacão do outro também, além do amor, da bondade, da fidelidade, da mansidão, da ternura… e assim por diante.
    Que Deus continue enriquecendo com sua presença nossos casamentos. Amém!

  12. Jorge disse:

    Amado e querido Pastor,
    É profunda essa mensagem, e sei bem o que é casamento sem Cristo e casamento com Cristo, sei o que é conviver, suportando a incredulidade da outra parte, embora muitas vezes a incredulidade venha de mim mesmo, digo na forma como tenho tradado os problemas.
    Preciso aprender muito de Cristo, afinal se olharmos com outro casamento que é a igreja temos de nos relacionarmos com pessoas das mais diversas personalidades, e para isso temos vários conselhos a seguir, o Novo Testamento está recheado deles, então o que nos resta?(tirando do seu texto): colocar Jesus no seu casamento, inclui-lo em nossos planos de vida.

    Senhor, rendemo-nos a ti com total dependência que temos, sem teu auxílio só sabemos fazer uma coisa em perfeição que é o pecar, mas te pedimos orienta-nos pois chegamos a ti por meio da oração e súplicas de todo o coração na certeza de que só assim o Senhor nos atenderá, perdoa-nos as falhas cometidas tantas vezes.
    Em nome de Jesus que é perfeito, oramos, pedimos e agradecemos.

  13. disse:

    Perfeito! Tive um casamento sem Cristo, foi um frecasso! Mentira, adultério, medo…Quando me converti confessei meus pecados a minha ex, imaginei que Deus faria um milagre, e fez! Ela não me perdoou e pediu o divórcio. Fiquei arrasado e esperei no Senhor uma familia. Após tres anos de oração e jejum especifico, porque, apesar do Ap. Paulo dizer que para o ministério é melhor que não constitua familia, eu não conseguia imaginar minha vida sem filhos, meu sonho desde adolescente. Resumindo tres anos de espera valeram a pena! Estou casado com uma linda moça, tenho dois filhos e melhor, sonhamos com o ministério! Milagres, com Jesus! Aleluia!!!

  14. cecilia disse:

    Pastor, gostei imensamente dessa sua mensagem. Confesso que as outras suas tenho apagado, pois não as tinha sentido tão inspiradas quanto as do outro pastor, anterior a você. As dele eu ainda guardo. Mas o casamento entre o homem e a mulher foi estabelecido por Deus e sua mensagem nos relembra o real valor dessa instituição divina. Obrigada.
    Maria Cecília – membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

  15. Jaime vieira Fiuza disse:

    Se observarmos bem a Palavra JESUS até admite a separação mas se for para nao casar mais…mas os tempos sao trabalhosos.

  16. RENATO disse:

    Ainda sobre a importância do casamento, o Espirito de Deus tem me chamado a atenção para o fato de que o casamento, que está, sim, presente no Jardim do Éden, também está valorizado como cenário do primeiro milagre do Senhor Jesus, como bem sublinhou o amado, o casamento está no centro da cena mais importante da história humana: O ENCONTRO DA IGREJA com JESUS, QUANDO ELE VOLTAR PARA BUSCAR SUA NOIVA. Quando, no livro do Apocalipse, o Espírito revela acerca das Bodas do Cordeiro, entendo o casamento do homem com sua esposa como a grande metáfora das bodas de Jesus com Sua Igreja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *